Um jovem de 21 anos foi morto com pelo menos um tiro, na madrugada deste domingo (9), numa chácara de eventos em Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Danilo Igor da Silva Pinto seria o organizador de uma festa rave que aconteceu no local e foi morto dentro de um chalé que fica dentro da propriedade.

O crime, ainda cercado de mistérios, vai ser investigado pelos policiais da delegacia da cidade, que estão em fase de coletar informações. A chácara fica às margens da PR-090, a Estrada do Cerne, no bairro Bateias. O assassinato aconteceu no final da madrugada e por volta das 6h que a Polícia Militar (PM) foi chamada. Segundo o que os policiais conseguiram apurar, no momento do crime aproximadamente 50 pessoas estavam no local, mas poucas informações foram repassadas.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

O que a PM informou é que Danilo foi achado morto pela irmã dele, que estava trabalhando na festa. O rapaz, que era o organizador de uma festa de música eletrônica, teria dito que iria tomar banho no chalé e foi ouvido um barulho, com um estampido, que até passou despercebido pela música, mas levantou as suspeitas.

Ao desconfiar, a jovem foi até o chalé e encontrou Danilo morto. Ele foi ferido com um tiro no pescoço, logo abaixo do queixo, e o projétil ficou alojado na cabeça. Segundo os socorristas, que foram acionados, o rapaz morreu na hora.

Não se sabe quem poderia ter cometido o crime, que agora é investigado pela Polícia Civil. Informações podem ser passadas pelo telefone (41) 3291-6100.

Mega-Sena acumula pela 6ª vez seguida e prêmio de quarta pode ser de R$ 80 milhões