Morreu em São Paulo, na última quinta-feira (25), aos 89 anos, o jornalista curitibano Júlio Kogut Netto. O velório ocorreu neste sábado (27), até às 15h, na capela do Cemitério São Francisco de Paula, em Curitiba.

Júlio trabalhou por anos em parceria com a Tribuna do Paraná com a coluna Calçada da Fama, de onde comandou festas no antigo Cine Vitória, na Rua Barão do Rio Branco, no Centro da cidade.

Com jornalista, Julio Kogut trabalhou por duas décadas como correspondente do Governo Americano e diretor do United States Information Agency (USIA), sendo condecorado em 1974 com o Meritorious Honor Awards, pela criação e condução da coluna Panorama das Américas. Júlio também dedicou-se à literatura com a obra “A Semente da Vida”.

“Pai, você estará sempre em minhas lembranças e dentro do meu coração.
Te amarei eternamente. Lutou pela vida como um guerreiro e merece descansar ao lado da minha mãe que te espera ao lado de Deus e rodeada dos Anjos de braços abertos para te receber. Muita admiração e orgulho da sua história”, disse Márcio Kogut, filho de Júlio, em uma postagem no Facebook.