A morte da menina de três anos, após ser atingida pelo aparelho de televisão de 29 polegadas, na madrugada de ontem, no Pinheirinho, despertou mais uma vez o alerta sobre o cuidado com os acidentes domésticos. A criança estava brincando na sala quando o acidente aconteceu. A mãe e a avó estavam na residência, mas não ao lado da menina. A circunstância do acidente ainda não foi esclarecida, mas provavelmente a menina mexeu no móvel onde a televisão estava e o equipamento se moveu.

A criança foi encaminhada ao Hospital do Trabalhador, por volta das 20h45 da terça-feira, em estado grave. A equipe de médicos constatou traumatismo craniano e quadro de hemorragia, de acordo com a Secretaria da Saúde, que administra o hospital. A menina não resistiu aos ferimentos e faleceu às 01h40 de ontem.

Investigação

Segundo o delegado Rubens Recalcati, da Delegacia de Homicídios, familiares relataram que a menina abraçou a mãe e a avó e disse que iria brincar na sala. A mãe da criança estava amamentando o outro filho. “Possivelmente a criança mexeu na mesa onde a televisão estava. A gente vê como fatalidade, mas vamos ouvir os familiares e aguardar o laudo sobre a morte. Vamos instaurar procedimento investigatório para apurar a responsabilidade”, afirma.