Um adolescente de 17 anos e um jovem de 19 foram mortos, na madrugada desta segunda-feira (06), na Rua Guaçuí, no Ganchinho. O crime, misterioso, aconteceu na frente de um grupo de jovens que estava reunido em volta de uma fogueira no canteiro central da rua.

Segundo a Polícia Militar, os suspeitos do crime estavam em um Corsa prata, que parou onde os rapazes estavam. Os assassinos, armados, abordaram o grupo e efetuaram vários disparos. Em seguida, sem falar nada e sequer perguntar quem eram as pessoas, os ocupantes do veículo fugiram em alta velocidade.

O adolescente, identificado apenas como Mateus, foi atingido por vários tiros e morreu no local do crime. Já o outro rapaz, Robson Liberato Cruz, de 19 anos, ainda conseguiu correr, mas não muito. Ele foi encontrado morto na Rua Raphael Costa Blanco, a duas quadras do local do crime.

De acordo com testemunhas, uma adolescente que seria namorada de Mateus estava junto com ele, mas não ficou ferida. Os outros jovens que estavam reunidos na hora do crime correram e não voltaram para ver o que havia acontecido.

Por causa do medo, pouquíssimas informações foram passadas aos policiais. Apesar disso, o boato no local era de que o motivo do crime seria o envolvimento com o tráfico de drogas, conforme informou a PM. Investigadores da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) trabalham para encontrar os suspeitos e descobrir o que, realmente, motivou os dois assassinatos.