O desespero de uma família do Boa Vista em busca de informações sobre o paradeiro de um rapaz de 21 anos que desapareceu no sábado (7), depois de ir com um amigo a Festa da Uva, em Colombo, acabou na noite dessa segunda-feira (9). Guilherme Lopes Santana, que mora com a mãe e uma irmã, não foi mais visto desde quando saiu de casa para ir a um churrasco no bairro Santa Cândida e depois iria com um amigo para a festa. A família mobilizou as redes sociais e o jovem foi encontrado próximo ao Jardim Botânico, por volta das 20h.

Segundo familiares, Guilherme saiu de casa por volta das 23h de sábado para ir a um churrasco na casa de amigos no Santa Cândida. Ele percorreu trajeto de pouco mais de cinco quilômetros até o local do churrasco, onde ficou por um tempo. Depois de algumas horas, já de madrugada, um amigo chegou para busca-lo. De acordo com os moradores da casa onde o churrasco foi feito, Guilherme contou que iria para a Festa da Uva e, sozinho, foi ao encontro desse amigo. 

Desespero

A preocupação da mãe do jovem começou na manhã de domingo (8), quando ele já não apareceu em casa. Sem conseguir contato com Guilherme pelo celular, que caía na caixa postal, a família registrou boletim de ocorrência na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e começou a procurar pelo jovem por outros meios.

Os pais de Guilherme foram aos hospitais Cajuru, Evangélico e Hospital do Trabalhador.  família descobriu que o rapaz não chegou a ser internado em nenhum dos três locais. A família também foi até a Unidade de Saúde do Boa Vista e lá, segundo funcionários, Guilherme não passou. 

Informações

Na tarde dessa segunda-feira, a mãe de Guilherme foi à busca de mais informações sobre o percurso que o rapaz teria feito antes de desaparecer. Na casa onde o churrasco aconteceu, os proprietários contaram que o amigo que o buscou para ir até a Festa da Uva era uma pessoa desconhecida de todos, o que já causou estranheza.

Com o fim da tarde, os familiares descobriram que Guilherme saiu da Festa da Uva com o suposto amigo e souberam que esse rapaz o deixou no terminal do Santa Cândida. De lá, Guilherme percorreria trajeto de cinco quilômetros a pé até em casa pela rápida sentido Centro. 

Guilherme Lopes Santana, desaparecido.
Família estava desesperada. Foto: Reprodução/Facebook.

Nas redes sociais, pessoas disseram ter visto um rapaz parecido com Guilherme andando sozinho de madrugada nas proximidades do terminal por volta das 2h de domingo. Familiares acreditavam não ser o jovem, pois nesse horário ele ainda estava no churrasco na casa de amigos.

Namoro

De acordo com familiares, o rapaz estava em um momento complicado pelo final do namoro, que durou dois anos. Ele estava triste e nas redes sociais chegou a escrever que iria guardar os sorrisos apaixonados da ex-namorada. Para uma amiga no Facebook, Guilherme teria dito que iria sumir para sempre. 

Guilherme Lopes Santana, que passou em três faculdades neste ano, faria a matrícula em uma delas para o curso de Engenharia. O rapaz foi encontrado próximo ao Jardim Botânico. Segundo familiares, Guilherme estava com ferimentos no rosto e pelo corpo e chorava bastante. Ele contou que foi pego por bandidos.