Fechada desde 21 de março para visitação por causa da pandemia de coronavírus, a Ilha do Mel, um dos principais pontos turísticos do Paraná, reabre neste domingo (20) para turistas e prestadores de serviços. Para visitar a ilha no litoral, os visitantes deverão seguir uma série de regras, como uso obrigatório de máscaras, aferição de temperatura nos terminais de embarque, distanciamento de dois metros em filas, entre outras.

De acordo com a prefeitura de Paranaguá, responsável pela Ilha do Mel, a reabertura será feita de forma gradual e monitorada. O acesso de turistas será permitido das 8h às 20h e somente com reserva de no mínimo 24 horas de antecedência em algum estabelecimento da ilha.

LEIA MAIS – Paraná emite alerta sobre sementes vindas em encomendas misteriosas da China

Prestadores de serviço devem se cadastrar no Sistema de Inteligência Turística de Paranaguá (Situr). Quem trabalha com embarcações deve respeitar a lotação máxima de 60% da capacidade de passageiros e, ao final de cada viagem, limpar e desinfectar o veículo. A venda de comida e bebida nas embarcações está proibida.

Restaurantes, lanchonetes, mercados e bares, mesmo os pertencentes a estabelecimentos de hospedagem, deverão disponibilizar álcool gel para clientes e funcionários, além de fazer a a limpeza de mesas, cadeiras, cardápios, a obrigatoriedade de máscaras e o distanciamento de dois metros entre o balcão e os clientes.