enkontra.com
Fechar busca

Curitiba e Região

Nasceu novamente!

Carro antigo parte ao meio e idoso é ejetado a sete metros após acidente

  • Por Gustavo Marques
Foto: Reprodução/Tony Mattoso/RPC

Um veículo Ford Corcel I partiu ao meio após um grave acidente registrado na madrugada desta quinta-feira (04), em Araucária, na região metropolitana de Curitiba. O acidente, impressionante, envolveu ainda uma Ford Ranger, e ocorreu na Avenida das Araucárias, no bairro Chapada.

+Leia mais! Tentativa de estupro em bosque vizinho à escola deixa bairro em pânico

Um senhor de 61 anos, condutor do Corcel I que ficou completamente destruído, teve ferimentos leves na cabeça, mas não corre risco de morte. Ele chegou a ser lançado a 7 metros  do veículo depois da colisão.

“O Corcel vinha pela pista da direita da avenida quando entrou na rua e bateu na caminhonete. Fui parar no muro e quando olhei o carro dele, imaginei que não tinha ninguém vivo. Quando ele levantou, não acreditei. Foi Deus ali”, disse Marlon Chaves, motorista da caminhonete em entrevista à RPC.

O motorista da caminhonete não sofreu ferimentos.

Foto: Reprodução/RPC

Foto: Reprodução/RPC

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

Foto: Reprodução/Tony Mattoso/RPC

Foto: Reprodução/Tony Mattoso/RPC

Baile do Pato fecha as portas e deixa curitibanos órfãos

 

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

17 Comentários em "Carro antigo parte ao meio e idoso é ejetado a sete metros após acidente"


vanderlei ribeiro
vanderlei ribeiro
11 dias 3 horas atrás

sou admirador de carros antigos,porem acho que tinha que ter uma fiscalizaçao em cima disso esse corcel por exemplo tinha que ter ido pro ferro velho a muito tempo

J Carvalho
J Carvalho
10 dias 13 horas atrás

Para quem conhece, pode notar que o carro era bem cuidado, o carro partiu devido ao impacto.

Paranito PentaCampeão
Paranito PentaCampeão
11 dias 5 horas atrás

Essa CUritiba, o q tem de “pau-véio” rodando aí é brincadeira. O cara compra um carro 0 e nem pode sair de casa, pra não pegar ferrugem dos q param no sinaleiro em volta …. KKK

Mário
Mário
10 dias 20 horas atrás

Fato

Lutador Antifascista
Lutador Antifascista
11 dias 7 horas atrás

Dois velhinhos, um sobreviveu por milagre e o outro foi pro cemitério, cemitério de ferro-velho!… kkkkkkkkkk

Barbosa Sincero
Barbosa Sincero
11 dias 10 horas atrás

Não chegou a hora de bater o ponto…fica mais um pouco velhinho…

Oscar Aglio
Oscar Aglio
11 dias 10 horas atrás

Mostra a tremenda evolução dos monoblocos. Hoje se tem como conceito que ele deve absorver o máximo possível o impacto. Por isso a adoção de aços de diferentes tenacidades, bem como a colocação de materiais alternativos no cofre do motor (mais plásticos e zonas de deformação programada).

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas