enkontra.com
Fechar busca

Curitiba e Região

Novo Mundo

Homem pode ter sido morto por assassinos do irmão

José Aparecido Teodoro saiu de um bar e foi alvejado dentro de seu carro

  • Por Marcelo Vellinho, Aprova Concursos

A disputa entre gangues rivais no Novo Mundo pode ter sido o motivo de mais um assassinato no bairro. Na noite de quinta-feira, José Aparecido Teodoro da Silva, 44 anos, foi baleado na Rua Frei Gaspar da Madre de Deus, e morreu a caminho do Hospital do Trabalhador. A suspeita é que ele tenha sido morto pelas mesmas pessoas que mataram seu irmão, Nailton Teodoro da Silva, o “Nego Naio”, há dois anos, na mesma região.

Testemunhas contaram que José Aparecido saiu de um bar, por volta das 22h30, e caminhou até seu Gol. Ele foi perseguido por três indivíduos e um deles entrou no carro. Os dois conversaram rapidamente e o indivíduo começou a atirar. Ferido, José Aparecido saiu do carro e tentou correr, mas caiu na calçada, onde levou mais um tiro. Ele foi socorrido pelo Siate, mas não resistiu.

Relação

Conhecidos da família informaram que José Aparecido não estava envolvido com crimes, mas pode ter sido morto pelos mesmos assassinos do irmão. “Nailton tinha problemas com o tráfico de drogas e estava ameaçado por causa de dívidas”, disse uma mulher, que não quis se identificar. Também tinha sido preso por homicídio e latrocínio. “Mas o José Aparecido era trabalhador, pode ter sido morto porque os suspeitos do assassinato saíram há pouco tempo da cadeia”.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Últimas Notícias

Mais comentadas