Por telefone, o tenente Foltran, do 12.º Batalhão da Polícia Militar, soube que dois homens estavam invadindo sua casa, na Rua Pedro Foltran, no Bigorrilho. Quando chegou à residência, o policial foi recebido a tiros. Um dos bandidos foi ferido e o outro conseguiu fugir.

O tenente pediu apoio de outras viaturas. O marginal baleado foi encaminhado ao Hospital Evangélico, mas morreu no caminho. Ele portava um revólver calibre 38, segundo a polícia. O tenente não quis dar detalhes sobre a ação dos bandidos e por isso não se sabe se foi um atentado ou tentativa de assalto.

Segundo o capitão Jorge Costa Filho, comandante do Comando de Policiamento da Capital (CPC), a ocorrência na casa do tenente será tratado como outra semelhante.

“Será aberto inquérito policial-militar, como em qualquer outro confronto. Após concluído será encaminhado ao Ministério Público para análise e em seguida ao Poder Judiciário”, explicou o comandante.