Um crime possivelmente passional tirou a vida de Paulo César Carvalho, 39 anos, no final da manhã de ontem, no Uberaba. Ele levou oito tiros, na esquina da Rua Cacau com a Rua Cajá-manga, e morreu a caminho do Hospital Cajuru. Os disparos acertaram o peito, as costas, o braço e a perna da vítima, que morreu na hora. Um suspeito do crime foi detido pela Polícia Militar.