O ciúme foi ingrediente fatal na relação de Ana Carolina Affonso, 19 anos, e Éderson Carlos Rodis, 20. A moça, que segundo a família estava grávida de três meses, foi morta com três tiros na noite de sábado, na residência do casal, na Rua Gastão Luiz Cruls, Bairro Alto. De acordo com a polícia, os dois haviam discutido várias horas após um passeio em um parque durante a tarde. Ana Carolina teria conversado com outro jovem. A briga esquentou dentro de casa e por volta das 20h30, a jovem teria pegado uma faca e se trancado no banheiro.

Arrependimento

“Ela foi alvejada quando abriu a porta. A faca foi destruída com um dos disparos. A mãe do rapaz conta que, quando ele percebeu a besteira que tinha feito, caiu de joelhos ao lado do corpo implorando que a moça não morresse”, descreveu o delegado Rubens Recalcatti, titular da Delegacia de Homicídios. Após o assassinato, Éderson fugiu de motocicleta. “Caso ele não se apresente na delegacia, vou pedir a prisão preventiva”, completou Recalcatti.