Nesta quarta-feira (11), 40 escolas da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) passam a contar com segurança de policiais militares, por meio do Programa Escola Segura, implantado pelo Governo do Paraná em maio deste ano.

As cidades que vão receber o projeto são: Pinhais (4), São José dos Pinhais (7), Piraquara (5), Almirante Tamandaré (5), Colombo (5), Fazenda Rio Grande (4), Campo Largo (4), Campina Grande do Sul (2) e Araucária (4). A iniciativa envolve 78 policiais militares. O projeto já beneficia outras 31 escolas, com a atuação de 60 PMs em Londrina e Foz do Iguaçu.

+Leia também: Prazo pra inscrição do vestibular da UFPR termina nesta terça-feira

 

Seleção

A decisão de aderir ao programa é da direção de cada escola e da comunidade escolar. Após a inscrição, a Secretaria da Educação e do Esporte faz a seleção das unidades. A escolha considera critérios técnicos como localização, número de estudantes matriculados e a quantidade de turnos.

O reforço policial fica a cargo da Secretaria da Segurança Pública. O trabalho é feito por PMs da reserva que optam por voltar ao trabalho. Para atuar no programa Escola Segura, os policiais passam por treinamentos, exames psicológicos, físicos e tem o histórico social pessoal analisado.

Conheça o gaúcho que virou sua vida para cuidar de Curitiba