Um possível racha terminou com a morte de três jovens no fim da madrugada deste domingo (31), na Cidade Industrial de Curitiba. Patrick Cristian Vezentin, de 22 anos, Matheus Roberto dos Anjos, de 18, e Rafaela Vizoto, de 19, estavam no Peugeot 307 que se envolveu em um grave acidente na esquina das ruas Vicente Micheloto e Desembargador Cid Campêlo, e morreram na hora. A colisão foi por volta das cinco horas da manhã e, de acordo com testemunhas, o veículo em que os jovens estavam trafegava em altíssima velocidade.

De acordo com a Polícia Militar, outros três rapazes ficaram gravemente feridos. Dois deles têm aproximadamente 25 anos e foram levados para os hospitais Evangélico e Cajuru, e o terceiro, que aparenta ter 20 anos, foi encaminhado ao Hospital do Trabalhador.

Pancada foi tão forte que motor voou para dentro de uma residência. Foto: Colaboração leitor

As vítimas voltavam de uma festa quando se envolveram no acidente. Depois de bater em outro veículo no cruzamento das vias, o Peugeot colidiu contra um poste, se partiu ao meio e derrubou um muro. Há inclusive a informação de que o motor do automóvel acabou dentro de uma casa próxima. O estrago foi tanto que o Batalhão de Polícia de Trânsito precisou confirmar o modelo do carro pela placa, dado o estado que o automóvel ficou.

Peugeot 307 ficou irreconhecível. Foto: Colaboração leitor

Comoção

Nos perfis dos jovens que morreram nas redes sociais, são várias as postagens dos últimos momentos juntos em um bar na região do Portão. E já são inúmeros os comentários de amigos e conhecidos lamentando o ocorrido. Em um deles, um rapaz conta o que viu. “Vi o local do acidente, 307 irreconhecível. Meus sentimentos aos familiares”.

Investigação

A Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) vai investigar o caso e a participação do segundo veículo relatado por testemunhas.

Veículo se partiu ao meio em pancada com poste. Foto: Colaboração leitor