Um mocó que funcionava embaixo de uma ponte do Rio Barigui, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), foi desmantelado pela prefeitura na última terça-feira (10), resultando na retirada de sete pessoas que habitavam o local, além de dez toneladas de lixo que estavam no espaço, com auxílio de cinco caminhões e 38 pessoas trabalhando.

+Leia também: Canil com 82 cães de raça em situação insalubre é descoberto na Grande Curitiba

De acordo com informações da prefeitura, o mocó foi descoberto quando uma equipe da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop) esteve no local para avaliar uma erosão entre a cabeceira da ponte do Rio Barigui e a Rua Cid Campelo. Lá, moravam sete pessoas, em condições insalubres. Duas aceitaram ser encaminhadas, pela Fundação de Ação Social (FAS), para um Centro Pop. As demais, não.

 

Ricardo Bertinato, engenheiro da Smop que descobriu o mocó, ficou surpreso com a estrutura montada no local e acionou a administração regional. “O lugar é de difícil acesso e visualização. Agora, a ideia é deixar o local mais visível para que outro mocó não se forme”, disse o engenheiro. No local, foram encontrados abrigos improvisados, entulho de construções e roupas.

Varal à venda vira ação social e conquista vizinhança de Curitiba