Com o intuito de transformar a bicicleta em um meio de transporte alternativo e eficiente, o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Uppuc) em parceria com a Associação dos Ciclistas do Alto Iguaçu definiu 15 novos pontos com estacionamento para bicicletas, chamados de paraciclos.

Criado para garantir conforto e segurança, os paraciclos são compostos por aros que permitem ao ciclista prender a bicicleta não só pela roda, mas também pelo corpo. O modelo foi desenvolvido pelo Ippuc, mas contou com a aprovação dos usuários.

Os novos estacionamentos

Os locais escolhidos são estratégicos e concentram-se no centro da cidade, assegurando mobilidade e fácil acesso a diversos órgãos públicos ou terminais e estações tudo. Os paraciclos estarão disponíveis nas ruas Trajanos Reis com Treze de Maio, Terminal do Guadalupe, no cruzamento das avenidas Marechal Deodoro com Marechal Floriano, Marechal Deodoro entre a Barão do Rio Branco e Travessa da Lapa, Biblioteca Pública do Paraná e Mercado Municipal.

As praças Rui Barbosa, Carlos Gomes, Ouvidor Pardinho e Santos Andrade também serão contempladas com os novos estacionamentos.