enkontra.com
Fechar busca

Curitiba e Região

Fatalidade

Menino morre após ser atacado por cachorro no quintal de casa

Menino de dois anos morreu após ser atacado por cachorro no quintal de casa em Curitiba. Pai foi agredido na Unidade de Saúde

  • Por Redação / Tribuna do Paraná
Imagem ilustrativa. Foto: Pixabay
Imagem ilustrativa. Foto: Pixabay

Um menino, de apenas 2 anos, morreu após ser atacado por um cachorro no quintal de casa no Pilarzinho, em Curitiba, na noite dessa segunda-feira (17). Segundo informações de testemunhas, o pai chegou a levar a criança até a Unidade de Saúde do Boa Vista, mas ele não resistiu aos ferimentos.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Já na US, familiares da mãe da criança, revoltados, agrediram o homem. O casal, de acordo com a delegada da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Camila Ceconello, estava separado há cerca de 30 dias. A Guarda Municipal foi chamada e conseguiu conter a confusão.

Segundo informações preliminares coletadas pela delegada, o pai estava no banho no momento do incidente, e acabou não escutando o cachorro ou o menino. “Ele diz que não escutou, que estava no banho, de porta fechada. Ele tinha deixado o garoto brincando no sofá da sala e depois que saiu, deu por falta do menino e foi encontrar ele no quintal só depois do ocorrido”, destacou.

De acordo com o depoimento, o cão estava preso na coleira em um lugar que geralmente o menino não tinha acesso. Porém, a porta de trás da casa não tinha tranca, o que permitiu ao menino acessar o local onde o cachorro estava preso. “A criança abriu a porta sozinha, algo que nunca tinha feito antes. Ele não esperava que ela ia se aproximar do cachorro”, disse a delegada.

Menino chegou a ser socorrido na UPA Boa Vista mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Lineu Filho/Tribuna do Paraná

Menino chegou a ser socorrido na UPA Boa Vista mas não resistiu aos ferimentos. Foto: Maicon J. Gomes/Gazeta do Povo

Vítima de mordidas na região do pescoço e da cabeça, o menino chegou a ser socorrido, mas acabou falecendo. A perícia analisou os fatos e o local onde aconteceu a tragédia, e a delegada espera o resultado para saber como seguir com o caso. “[O pai] pode vir a responder por homicídio culposo, se ficar caracterizada alguma negligência. Mas a pericia vai analisar. A porta não tinha tranca, não poderia ser trancada”, ressaltou Camila.

A mãe do menino também foi ouvida e, assim como todos os familiares, estava muito consternada. “É uma situação muito delicada, muito triste pra família. Estão todos extremamente abalados”, concluiu a delegada.

Suspeito de matar motorista de aplicativo e de cometer mais um assassinato é preso

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

31 Comentários em "Menino morre após ser atacado por cachorro no quintal de casa"


Elcio Rinaldim
Elcio Rinaldim
27 dias 6 horas atrás

Se tem criança em casa, a primeira coisa a fazer é tomar a máximo de cuidado com esses cães. Fazer canil onde o cão não consiga morder ou passar a mão de uma criança sobre ele.

Carlos F
Carlos F
27 dias 9 horas atrás

Uma desgraça sem tamanho! Criança pequena longe da vista dos pais… quem pagou foi o inocente.

Domingos Jorge Velho
Domingos Jorge Velho
27 dias 11 horas atrás

Por onde andam essas horas aquelas pessoas que postam “cachorros são anjos de luz” blá, blá, blá.?

Ireni Silva
Ireni Silva
26 dias 10 horas atrás

A relação do cão com o dono com certeza não era amistosa. Cachorro preso no fundo do quintal, criado apenas para agredir invasor…o menino inocente foi mexer com o cachorro para brincar ou agredir o animal. Tadinho do menino e do cão que estavam a mercê de um irresponsável e inconsequente.

alex lemarchand
alex lemarchand
26 dias 22 horas atrás

a culpa é do dono o mané. se o cachorro é violento é graças ao dono.

Officer CWB
Officer CWB
27 dias 11 horas atrás

Muito estranha esta história, pai recém separado da mulher, sei não…, melhor averiguar bem..

Eduardo wolfman
Eduardo wolfman
27 dias 9 horas atrás

ahhhh rapaz…vai procurar o que fazer e não fala besteira… Respeita o sofrimento da família!

Márcio Lisbôa
Márcio Lisbôa
27 dias 12 horas atrás

Sempre a mesma ocorrência, cachorro feroz e dono negligente e sempre o mesmo resultado, morte ou feridos gravemente. Tenho um Dálmata, escolhi a raça por ser dócil com crianças e para dar o alarme em caso de invasão. Cumpre ambas as funções com maestria. Quantos levam em conta isso antes de comprar?

Eduardo wolfman
Eduardo wolfman
27 dias 9 horas atrás

Sempre mesmo a onde???? Não fala besteira especialista… Vai lavar louça vai…

Hanz Froilich
Hanz Froilich
27 dias 5 horas atrás

Quem possui criança em casa deve ter cachorro dócil, não esses ferozes, como pittbull, rotweiller, fila..

Hanz Froilich
Hanz Froilich
27 dias 5 horas atrás

e o cachorro deve ser acostumado com a criança

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas