A Caixa elevou o limite de financiamento de imóveis usados para servidores públicos. Segundo a nova política, 80% do valor do bem poderá ser financiado, limite que passa a ser idêntico ao montante aportado para imóveis novos. O recurso virá do do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

A alteração faz parte da estratégia da empresa que visa atingir um segmento de clientes que possui baixa inadimplência e relacionamento de longo prazo com o banco, segundo a Caixa. Tradicionalmente, os servidores públicos, por terem estabilidade no emprego, pagam juros menores e têm condições mais favoráveis de crédito. Atualmente, o banco tem R$ 43,2 bilhões emprestados para servidores públicos em todo o Brasil. A empresa concentra 70% do mercado do setor no país.

Os demais clientes continuarão a financiar até 70% do valor de imóveis usados e 80% no caso de imóveis novos.

Valor do pedágio do Paraná pode cair pela metade com nova concessão, diz governo