O operador de máquinas Ederson Americano Oliveira, 25 anos, foi executado com cinco tiros pelas costas, no começo da madrugada de ontem, em Fazenda Rio Grande. O crime foi na Rua Sergipe, no bairro Estados. Ele foi morto por agredir um rapaz durante uma partida de futebol, semana passada. Alfredo Fabrício Marques de Lima, 19, o “Buti”, foi preso duas horas depois do crime, entregou a arma e confessou o homicídio.

O superintendente da delegacia local, Senival da Luz, apurou que, na noite de quinta-feira, Ederson discutiu com algumas pessoas durante o jogo e agrediu o irmão de Alfredo. Segundo o superintendente, Alfredo matou para “defender a honra” do irmão agredido e comprou a arma no dia anterior, com o objetivo de matar Ederson.