enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Cúpula do PMDB anuncia apoio ao governo mesmo sem cargos

  • Por Jornalista Externo

A cúpula do PMDB decidiu nesta tarde, durante um almoço num hotel em Brasília, que vai apoiar todas as reformas constitucionais e as políticas econômicas do governo Luiz Inácio Lula da Silva, sem ocupar cargos no Executivo. Segundo os líderes do partido, a contrapartida do apoio sem a ocupação de nenhum ministério será por meio da participação na formulação da política econômica.

O presidente nacional da legenda, Michel Temer (SP), fez questão de afirmar que a postura assumida não é de independência. “O que podemos dizer é que o PMDB vai apoiar as políticas do governo sem a preocupação de participar da base, porque isso pode envolver a idéia de que o partido queira cargos, e isto não está em cogitação”.

O presidente do Senado, José Sarney (AP), que chegou ao encontro defendendo a distribuição de cargos ao PMDB, mudou seu discurso e saiu afirmando que “a decisão tomada hoje vai de encontro aos interesses do país”. “Eu acho que a decisão de hoje foi construtiva no interesse do país, e é um passo extremamente grande que acabamos de dar”.

Também cogita-se a participação do partido nos conselhos estratégicos do governo Lula, como o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social. A questão ainda está sendo analisada. Após o consenso na cúpula, falta agora convencer as bancadas na Câmara e no Senado para votarem favoráveis aos projetos governistas.

O líder peemedebista na Câmara, Eunício Oliveira (CE) informou que um almoço reunindo as bancadas e os cinco governadores _ Germano Rigotto (RS), Luiz Henrique da Silveira (SC), Roberto Requião (PR), Joaquim Roriz (DF) e Jarbas Vasconcellos (PE)_ já está agendado para a próxima quarta-feira. Segundo ele, não será difícil estabelecer consenso.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas