As obras de duplicação da PRT-467, antiga BR-467, entre Cascavel e Toledo, no Oeste do Paraná, começaram nesta segunda feira (10). A empresa Empo iniciou os serviços de terraplenagem no distrito de Sede Alvorada, lote 1 da obra. Já a empresa Petrocon, que venceu o lote 2 da licitação, deve iniciar os serviços nesta terça-feira.

“Até agora, as empreiteiras vinham se instalando, realizando levantamentos topográficos e garantindo os acertos finais para iniciar a obra. Mas, a partir deste momento, uma antiga reivindicação da região Oeste começa a se concretizar”, destaca o secretário dos Transportes, Waldyr Pugliesi.

O secretário também salienta que a obra – dividida em três lotes e que terá investimentos de cerca de R$ 20 milhões nos dois primeiros – é o cumprimento de uma promessa de campanha do governador Roberto Requião. Os serviços a serem executados são terraplanagem, drenagem, obras especiais, pavimentação asfáltica e serviços complementares na nova pista a ser implantada.

Lotes

O primeiro lote possui uma extensão de 16 quilômetros e vai do Km-0, em Toledo, à Sede Alvorada. O segundo, com 19,60 quilômetros, tem início no Km-16 (final Sede Alvorada) e vai até o Km-35,60 (acesso à rua Jorge Lacerda, em Cascavel). O lote 3 está em fase final de projeto e tão logo seja finalizado será licitado.

A licitação do lote 1 teve 13 empresas participantes e sete foram habilitadas. A empresa Empo venceu a licitação com uma proposta de preços R$ 8,8 milhões, para um máximo estabelecido em R$ 9,9 milhões. Já o lote 2 foi teve como empresa ganhadora a Petrocon com proposta de R$ 12,4 milhões, 5,9% abaixo do máximo.

De acordo com Pugliesi, o prazo estimado de conclusão para as obras é de 18 meses. “Entretanto, vamos entrar em contato com as empresas para que este prazo seja reduzido sem afetar a qualidade final dos serviços”, acrescentou. “Tentaremos um prazo menor em função da grande importância econômica da obra”.