Coritiba-PR e Paraná-PR protagonizam o clássico paranaense pelo Campeonato Brasileiro da Série A, neste domingo, às 16horas, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. A partida pode definir a situação dos dois times na competição.

O Coritiba busca a classificação à segunda fase do Brasileiro e quer se recuperar da derrota da última rodada, de 3 a 1, para o Atlético-MG, em Belo Horizonte, e encostar novamento no grupo dos oito clubes que continuarão disputando a Série A. Já o Paraná leva essa partida muito a sério pois o time ainda é ameaçado pelo rebaixamento.

Com a derrota para o Atlético-MG, o Coritiba ficou na 10ª segunda colocação do campeonato, com 33 pontos ganhos em 22 partidas. Para se classificar entre os oito o Coxa terá de vencer e torcer por derrotas das três equipes que estão à sua frente na tabela: Grêmio-RS, Vitória-BA e Fluminense-RJ.

Já o Paraná melhorou sua posição com a vitória sobre o Botafogo mas não ficou livre da ameaça de rebaixamento. Precisar vencer para consolidar sua recuperação e se afastar, definitivamente, do grupo dos ameaçados. O time, comandado pelo técnico Caio Júnior, é o 18º colocado, com 26 pontos ganhos, em 22 jogos.

Paulo Bonamigo tem duas dúvidas para definir o time do Coritiba. Ele não definiu quem entrará na lateral-direita. O titular Ceará ficou fora do último jogo, suspenso por terceiro cartão amarelo, e Reginaldo Araújo, que entrou no seu lugar, jogou bem contrra o Atlético-MG, apesar da derrota, e pode ficar. Ele não decidiu também se o zagueiro Edinho Baiano, que está se recuperando de uma contusão, retorna no lugar de Juninho.

No Paraná, satisfeito com a vitória convincente sobre o Botafogo, o treinador Caio Júnior faz uma alteração apenas promove a volta do zagueiro Weligton, que cumpriu suspensão, no lugar de Fábio Luís. O técnico mantém o esquema tático 3-5-2.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA-PR X PARANÁ-PR
Estádio Couto Pereira, Curitiba
Data/hora: 10/11 – 16horas
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR)
Auxiliares: Roberto Braatz e Gilson Bento Coutinho (PR)
CORITIBA: Fernando; Reginaldo Araújo (Ceará), Pícoli, Juninho (Edinho Baiano) e Adriano; Nascimento, Roberto Brum, Tcheco e Lúcio Flávio; Lima e Da Silva – técnico: Paulo Bonamigo
PARANÁ: Marcos, Cristiano, Roberto e Weligton; Cris (Bosco), Goiano, Émerson, Alexandre e Fabinho; Maurílio e Márcio – técnico: Caio Júnior. (Lancepress!)