O secretário estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Luiz Eduardo Cheida, acompanhado do presidente do IAP (Instituto Ambiental do Paraná), Rasca Rodrigues, e Polícia Florestal, vai sobrevoar hoje, em Palmas, no Sul do Estado, uma propriedade rural onde houve desmatamento de 150 hectares de imbuia, espécie ameaçada de extinção e cujo corte é proibido pela Resolução 278 do Conama.

Foram cortados 750 metros cúbicos de imbúia, correspondente a aproximadamente 800 toras de madeira, o que representa grave crime ambiental. A resolução do Conama permite, somente em casos excepcionais e para uso em moradia própria, o corte de apenas 15 metros cúbicos, e somente a cada cinco anos. O sobrevôo será realizado por volta das 9h.