O secretário de Assuntos Estratégicos do Paraná, Nizan Pereira, visitou nesta sexta-feira (8) plantações de sementes crioulas preservadas nas áreas guaranis do Estado. O projeto é desenvolvido por técnicos do Centro Paranaense de Referência em Agroecologia (CPRA), ligado à Secretaria da Agricultura, e objetiva resgatar essas sementes no Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraguai. ?Tenho certeza de que com estas ações resgatamos o respeito ao conhecimento indígena, presente há milhares de anos nestas terras?, disse Nizan.

Segundo Nizan, a plantação em forma de mandala propicia mais integração entre as plantas. ?O projeto é uma alternativa ao uso intensivo de transgênicos e agrotóxicos e pode representar uma saída auto-sustentável para os indígenas e pequenos proprietários rurais?, afirmou Nizan. As sementes, principalmente de milho e de feijão, foram analisadas geneticamente pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário e plantadas em parceria com a ONG Terra Mater e guaranis da tribo Caruguá.