Cemitérios de carros roubados e furtados mudam o cenário de Campo Magro, município de pouco mais de 25 mil habitantes, que faz divisa com Santa Felicidade. Um passeio pelas estradas de terra e por trilhas, passando pelas lavouras e bosques que compõe a maior parte da paisagem,é suficiente para encontrar veículos queimados, parcialmente desmanchados e alguns completamente irreconhecíveis, só em pedaços.

Leia a matéria completa.