A Câmara de Londrina (PR) cobra explicações do prefeito Nedson Micheleti (PT) sobre a renovação antecipada do contrato com a Visatec, empresa responsável pelos serviços de capina e roçagem. O contrato, em vigor há dois anos, venceria na quinta-feira (16), mas foi renovado – apesar de alguns vereadores defenderem a realização de uma nova licitação – no dia 24. O valor do novo contrato é de R$ 271 mil mensais; o anterior era de R$ 217 mil.

O vereador Luiz Carlos Tamarozzi (PTB), autor do pedido de esclarecimentos, classifica de "muito ruim" o serviço prestado pela Visatec, que pertence ao empresário Faiçal Jannani, irmão do deputado José Janene (PP-PR) É a primeira vez na gestão Micheleti, iniciada em 2001, que um contrato foi renovado antes do vencimento. O usual, como aconteceu com o transporte coletivo e coleta de lixo, é que seja prorrogado até nova concorrência pública.