Sobrevivente do acidente de terça-feira com o avião da companhia Tans, do Peru, o brasileiro Wagner Roberto Andolfato Souza, disse, nesta quinta-feira, à Agência Estado que seu maior desejo agora é voltar rapidamente para o Brasil.

"Agradeço a Deus por estar vivo e acho que, se sobrevivi, é porque Ele ainda tem planos para mim", declarou, por telefone, enquanto se recupera no Hospital Arzobispo Loayza, em Lima.

"Espero embarcar no sábado. Os médicos vão fazer um implante com pele de porco para proteger as queimaduras que sofri nos braços. Isso vai permitir que eu viaje de volta para o Brasil evitando o risco de infecções," acrescentou.

Souza, de 25 anos, mora em Curitiba. É divorciado e tem um filho de 3 anos. Estava no Peru a passeio, mas aproveitaria a viagem para fazer alguns contatos pra a sua empresa, especializada em automação industrial.