São Paulo – A violência prejudicou o estado de São Paulo no ranking de uma pesquisa da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), que avaliou educação, renda e saúde dos jovens brasileiros de 15 a 24 anos. São Paulo ficou em 4.º lugar na lista das 27 unidades federativas, atrás de Santa Catarina, do Distrito Federal e do Rio Grande do Sul. A classificação só não foi pior porque os índices de renda e de educação foram bons, ao contrário da saúde. “Não fomos surpreendidos com a colocação de São Paulo no ranking nacional. Já sabíamos que as mortes violentas trariam algum tipo de impacto”, disse o sociólogo Julio Jacobo, da Unesco. A pesquisa usou dados do IBGE, do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação e será repetida a cada dois anos. Os índices de saúde foram desanimadores: o estado foi parar no 20.º lugar na lista.