A cidade de São Paulo saiu do estado de atenção por baixa umidade relativa do ar por volta das 17 horas. A medida havia sido decretada pouco antes das 16 horas, mas o índice de umidade subiu e está agora em 40%. O estado de atenção é decretado quando o índice fica abaixo de 30%.

Nos meses em que ocorrem poucas chuvas é comum que a umidade do ar fique reduzida, o que causa um aumento nos níveis de poluição. O fenômeno pode agravar doenças respiratórias, cardiovasculares e oculares.

Quando a cidade entra em estado de atenção, recomenda-se aos moradores evitarem exercícios físicos ao ar livre entre 11 horas e 15 horas; umidificar o ambiente por meio de vaporizadores, toalhas molhadas ou recipientes com água; permanecer em locais protegidos do sol; e ingerir bastante água.