Cerca de 3,5 mil integrantes do Movimento dos Trabalhadores sem-teto (MTST) chegaram por volta das 16h20 à Câmara Municipal, bloqueando as duas faixas do Viaduto Jacareí. A maior parte dos manifestantes são famílias que ocuparam o terreno da Copa do Povo, em Itaquera, na zona leste da capital paulista.

Os manifestantes reivindicam que o governo aprove uma emenda ao Plano Diretor de São Paulo, que transforme o terreno ocupado em uma Zona Especial de Interesse Social (ZEI). O MTST pressiona os vereadores para incluir a emenda. Manifestantes bloqueavam a garagem da Câmara, para impedir que os vereadores deixassem o local. Uma comissão com o líder do MTST, Guilherme Boulos, entrou no prédio para conduzir as negociações.

Segundo o relator do Plano Diretor, o vereador Nabil Bonduki (PT), há possibilidade de que o governo inclua a emenda. “É algo que estamos estudando e vendo qual é a viabilidade do zoneamento na região, mas é claro que nesta segunda votação do Plano Diretor, as áreas destinas às Zeis, que já somam 30% do território de São Paulo, ainda tem de aumentar”, disse.