Rio

– O inspetor José Antônio Leal Correia, de 40 anos, que trabalhava no gabinete da chefia de Polícia Civil do RJ, foi morto a tiros na madrugada de ontem em um bloqueio de traficantes no bairro do Rocha, na zona norte do Rio. Segundo o delegado Antenor Martins, da 25.ª DP (Engenho Novo), pelo menos seis homens armados com fuzis e pistolas fecharam a rua Grão Pará e pararam os motoristas para assaltá-los. Identificado como policial, Correia foi executado no local, como informou o delegado. Os criminosos fugiram no Fiat Tipo do inspetor, encontrado na manhã de ontem em Vila Isabel, zona norte.