A Polícia Militar (PM) apreendeu 2,8 toneladas de maconha, na noite desta segunda-feira, 25, em Campo Limpo Paulista, cidade do interior de São Paulo. Policiais militares faziam patrulhamento de rotina no bairro Chácaras, na periferia do município, quando flagraram um caminhão que fazia o descarregamento e distribuição da droga entre vários veículos. Quando a viatura se aproximou, os dois homens que estavam no caminhão saíram correndo. Um deles foi capturado.

Na carroceria do caminhão, entre engradados para transporte de frangos, havia um compartimento falso com cerca de 500 quilos da droga. Com base em informações do suspeito detido, os policiais foram até uma chácara localizada nas imediações e encontraram outros cinco veículos carregados com os tabletes de maconha.

A droga apreendida pesou 2.800 quilos. Ao menos quatro pessoas fugiram com a chegada dos policiais, mas o dono da chácara foi preso. Um dos carros era furtado. A polícia apurou que o caminhão, com placas de Curitiba, havia carregado a droga em Mundo Novo, no Estado de Mato Grosso do Sul, próximo da fronteira com o Paraguai.

O motorista receberia R$ 20 mil para transportar a droga. A carga de maconha viajou cerca de mil quilômetros por rodovias sem ser barrada. A droga e os suspeitos foram levados para a Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Jundiaí (SP). Os suspeitos foram autuados em flagrante por tráfico de entorpecentes.