O líder do PMDB no Senado, Waldir Raupp (RO), anunciou que convidou o senador Neuto de Conto (PMDB-SC) para ser presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista que vai investigar o uso dos cartões corporativos no governo desde 1998. Falta agora o PT da Câmara indicar o relator da CPI. Neuto de Conto era suplente e assumiu a vaga no Senado no lugar do ex-senador Leonel Pavan, que nas eleições de 2006 se candidatou e foi eleito vice-governador de Santa Catarina.