enkontra.com
Fechar busca

Brasil

Pesquisa: reformas correm “sério risco no Congresso”

  • Por Redação O Estado Do Paraná

Brasília – O consenso em torno das reformas constitucionais é ilusório, e sua aprovação corre sério risco político no Congresso. A conclusão é de uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Estudos Políticos (Ibep), que ouviu 356 deputados e 50 senadores e constatou que a maioria deles, apesar do apoio ou boa vontade com o governo de Luiz Inácio Lula da Silva, oferece resistência a algumas das principais propostas em discussão, como as mudanças na Previdência dos servidores públicos e a concessão de autonomia para o Banco Central. As resistências começam pela própria bancada do PT, que majoritariamente se posiciona contra a autonomia do BC (50% na Câmara e 44% no Senado), contra um teto de apenas R$ 1.561 para as aposentadorias dos servidores públicos (71% e 100%) e contra a contribuição previdenciária dos inativos (53% na Câmara, mas 11% no Senado).

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas