A paraense Raimunda Nonata da Silva Maciel foi aprovada no vestibular para cursar serviço social na Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), em Santarém, no oeste do Pará. A nova estudante tem 82 anos e terá como colega de faculdade a neta, Karen Maciel. "A prova não foi difícil. Eu sempre estudei muito e me sentia preparada", disse Nonata, a Noca, como é conhecida entre parentes e amigos.

Ela revela que sempre alimentou a vontade de ingressar numa universidade depois de formar um filho médico, um bioquímico e uma enfermeira. A inscrição no vestibular ocorreu dois dias depois de ter concluído o ensino médio. Os sete filhos, doze netos e cinco bisnetos a incentivaram a fazer a prova. "O pessoal aqui de casa disse que se eu fizesse o vestibular iria ser aprovada", contou Nonata, que gosta de ler, assistir televisão e, principalmente "fazer pesquisas" pela internet.

Na hora da prova, ela confessou ter sentido um "frio na barriga". Não se perturbou e respondeu a todas as questões, durante duas horas e meia. Perguntada se pretende se formar daqui a quatro anos, a nova caloura respondeu: "Meu filho, eu não planejo nada. Se eu estiver viva até lá, tudo bem. Não vivo pensando no futuro, vivo pensando o que devo fazer no presente. Do resto, quem cuida é Deus". A direção da universidade informou que Nonata terá desconto de 50% na mensalidade.