Pelo menos 21 pessoas foram presas hoje, acusadas de tráfico de drogas, durante a Operação Monte Belo, coordenada pela Polícia Federal, com o apoio da Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Pública da Bahia.

A operação, realizada em oito municípios do sul da Bahia (Ilhéus, Itabuna, Itajuípe, Coaraci, Ubatã, Ipiaú, Jequié e Itamaraju), além da capital paulista, Maricá, no Rio de Janeiro, e Bom Jesus do Piauí, no Piauí, desarticulou uma rede de traficantes com ramificações em quatro Estados.

A investigação teve início em novembro de 2009, com base em denúncias anônimas sobre o comércio ilícito de drogas na Avenida Belmonte, no bairro da Conquista, em Ilhéus. A partir de escutas telefônicas e imagens dos envolvidos foi possível a identificação e a prisão do grupo.

O alvo principal da investida policial era José dos Santos Lima, o Loló, um dos líderes do tráfico na região, que acumulou bens, entre fazendas de cacau, imóveis e táxis, para fins de lavagem de dinheiro. Também foi recapturado Antônio Régis de Oliveira, o Binho, fugitivo do Presídio de Itajuípe, que deixou um bilhete debochando do sistema prisional no momento da fuga.

Além das prisões, os policiais também apreenderam armas, veículos, bens imóveis e, aproximadamente, 15 quilos de droga.