O Ministério Público Federal (MPF) move ação civil pública contra a União, a Agência Nacional de Águas (ANA), o Estado de São Paulo e o Ibama no sentido de impedir a transposição do Rio Paraíba do Sul. O projeto do governo paulista tem como objetivo captar a água da bacia do rio para abastecer o Sistema Cantareira.

Para o MPF, a transposição resultaria em falta de água para a população do Estado do Rio de Janeiro que tem no Paraíba do Sul sua principal fonte de abastecimento, além de possíveis prejuízos ambientais. O MPF quer que a ANA não dê autorização para a obra enquanto não forem realizados estudos ambientais abrangentes por parte do Ibama. A bacia é compartilhada por São Paulo, Minas e Rio, num total de 184 municípios.