O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou as datas de inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010. As inscrições devem ser feitas entre 21 de junho e 9 de julho. As provas serão feitas nos dias 6 e 7 de novembro. A prova será preparada pelas instituições Cesp e Cesgranrio.

Depois do vazamento da prova do Enem, as duas instituições foram convocadas para fazer uma nova versão da prova. Para a edição de 2010, as duas instituições foram contratadas com dispensa de licitação. Também devem participar do Enem os Correios, Polícia Federal e Polícia Rodoviária.

A gráfica responsável por imprimir as provas ainda não foi contratada. O processo de licitação está em curso.

Também foram divulgadas hoje as regras para receber bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni). O programa pagará 39 mil bolsas integrais e 21 mil parciais para alunos que atenderem aos requisitos estabelecidos pelo Ministério da Educação.

As inscrições para seleção serão feitas entre dias 15 e 19 de junho. Têm direito ao ProUni os brasileiros sem diploma de curso superior que participaram do Enem em 2009. A regra também exige que o candidato tenha cursado o Ensino Médio na rede pública ou tenha sido bolsista integral da rede privada.

Sisu

O período de inscrição para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) será reaberto amanhã e vai até dia 14. Nesta segunda edição, serão ofertadas 16.573 vagas em cursos superiores de bacharelado, licenciatura e de tecnologia distribuídas em 15 universidades federais, duas estaduais, 17 institutos federais e um centro federal de educação tecnológica. Oito instituições participam do sistema pela primeira vez.

Desta vez, inscrições serão feitas em apenas uma etapa. Foi mantida, porém, a regra que permite ao estudante fazer alterações na escolha da carreira até o último dia de inscrição.

Têm direito de participar da seleção alunos que fizeram o Enem de 2009. Ao fim de cada dia de inscrição do Sisu, é informada a nota de corte dos cursos. O aluno que perceber que não tem condições de ser aprovado, pode alterar a opção para outra carreira cuja nota de corte está próxima do resultado alcançado no Enem.

O aluno pode fazer duas opções de curso. Serão preparadas três listas de chamada e, caso as vagas não tenham sido preenchidas, uma de espera. Os aprovados na primeira opção não participam de outras chamadas. “Aquele que não se matricular, está fora do sistema”, diz a secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci.

Para fazer inscrição, o candidato tem de informar o número de registro no Enem de 2009 e sua senha de acesso cadastrada no exame, no horário entre 8h e 23h59.