Rio – O jovem Marcel Correia El Hani, de 22 anos, espancado na frente da boate Kokeluche, em Jacarepaguá, continua internado em estado grave no Centro de Terapia Intensiva (CTI) da Clínica São Vicente, na Gávea. O estudante ainda está em coma e respira com a ajuda de aparelhos, mas seu quadro é estável. Marcel foi espancado na madrugada de sábado, depois de uma briga em frente à casa noturna. Ele teve trauma do tórax e da face. Segundo depoimento de amigos da vítima, prestados à polícia, Marcel teria tentado fugir dos agressores de carro, mas estes fecharam a passagem. Apavorado, o jovem acelerou e atropelou um motociclista. Em seguida, Marcel teria sido arrancado do carro pelos agressores e espancado. O rapaz atropelado, Anderson Nunes do Nascimento, de 22 anos, rompeu os ligamentos do joelho.