Belo Horizonte – Ao sair do Palácio das Artes, onde está sendo realizada a reunião do Mercosul, o ex-presidente Itamar Franco anunciou, na tarde de ontem, que entregou o cargo de embaixador em Roma ao ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim. Itamar não explicou por que está deixando o cargo, dizendo apenas que "estava indo para casa". Itamar deixa a embaixada em fevereiro. O ex-presidente havia sido nomeado para o posto sob a indicação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Franco – de temperamento explosivo – costuma pegar os jornalistas de surpresa com decisões intempestivas.