As irmãs Renata de Cassia Yoshifusa, de 21 anos, e Roberta Yuri Yoshifusa, de 16 anos, foram encontradas mortas ontem, dentro da casa, na Rua Mariana Najar, em Mogi das Cruzes, na região metropolitana de São Paulo. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), elas apresentavam cortes no pescoço. Um pintor, que fazia serviços na casa, também foi encontrado ferido dentro da residência.

No momento em que a Polícia Militar foi acionada, o agressor ainda estaria dentro da residência. Ao chegarem, os PMs encontraram as portas da garagem abertas e o pintor se arrastando em direção à entrada. O pai da garota foi encontrado transtornado dentro da casa.

Foi apreendida uma faca no hall de entrada. Na cozinha, havia mais uma faca. Uma terceira faca foi encontrada no lavabo. Também foram apreendidos quatro celulares, um chip de celular, seis processos criminais e as roupas do pintor, que estavam sujas de sangue. O caso foi registrado no 1º Departamento de Polícia de Mogi como homicídio qualificado consumado e tentativa de homicídio qualificado.