A gestante Carla da Silva Magnus, de 25 anos, que estava grávida de nove meses, foi assassinada na noite de dominfo (20) em frente de casa, no bairro Sarandi, em Porto Alegre. A vítima estava em frente de casa, conversando com familiares, quando três homens chegaram ao local e dispararam vários tiros.

Três dos tiros disparados atingiram Carla nas costas, segundo informações da Brigada Militar (a Polícia Militar gaúcha). Ela foi encaminhada para o Hospital de Pronto-Socorro, mas não resistiu aos ferimentos. O bebê também morreu. A polícia ainda não tem pistas sobre os criminosos.