O Ministério da Educação (MEC) abre para debate público, a partir desta segunda, o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos. O texto estará em discussão pela sociedade por 90 dias. O ministro da Educação, Fernando Haddad, participa da solenidade de abertura, às 14h, no auditório do MEC.

O guia agrupará os cursos conforme as características científicas e tecnológicas. Concebido em formato e linguagem claros, que facilitam a busca e a consulta das informações, o catálogo não terá função restritiva, mas a de unificar a nomenclatura dos cursos. Estima-se que, depois da participação da população, as denominações de cursos sejam reduzidas das atuais 2.800 para cerca de 150.