enkontra.com
Fechar busca

Brasil

Governadores e líderes do PMDB apóiam sem pedir cargos em troca

  • Por Redação O Estado Do Paraná

Brasília – Os cinco governadores do PMDB reunidos ontem com os líderes do partido na Câmara e no Senado, decidiram participar da formulação das políticas públicas do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, mas sem aceitar cargos nem função e também sem participar da base aliada no Congresso. Essa decisão ainda será levada às bancadas do PMDB na Câmara e no Senado. Ao aceitar o convite de Lula para participar das políticas públicas do governo e integrar as reuniões em nível federal, o partido estará comprometido com as propostas a serem encaminhadas pelo governo ao Congresso.

O cargo de líder do governo no Congresso, que hoje é acumulado pelo senador Aloízio Mercadante (PT-SP), também não será ocupado pelo PMDB, segundo decisão tomada na reunião. “O PMDB apoiará as reformas e as políticas do governo. O PMDB estará participando da formulação e, se estiver de acordo, apoiará o governo no Congresso”, disse o presidente do partido, Michel Temer, ressaltando que esse vínculo já significa o apoio do PMDB ao governo.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas