São Paulo – Gil Rugai, acusado de matar o pai, o publicitário Luiz Carlos Rugai e a mulher dele, Alessandra Troitino, depôs ontem no Fórum da Barra Funda. É a primeira vez que ele presta depoimento à Justiça. Os advogados de defesa pediram que a OAB acompanhe o caso, pois sentiram-se prejudicados com a divulgação do laudo técnico que, para a polícia, mostra que o rapaz estava na mansão do casal na hora do crime.