Equipes da Subprefeitura da Casa Verde, zona norte de São Paulo, encerraram nesta madrugada a limpeza do local na Rua Bernardino de Sena, onde, no último domingo, caiu um avião Learjet da empresa Reali Táxi Aérea, causando a morte de oito pessoas. Ao longo do dia, a área deve ser cercada com tapumes, o que já permitiria a liberação da rua. No entanto, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que o trânsito só deve ser totalmente permitido naquela via após a autorização dos bombeiros, que permanecem no local esta manhã.

De acordo ainda com a Subprefeitura da Casa Verde, uma das moradias atingidas pela queda do jato, situada no número 104 da Bernardino de Sena, imóvel vizinho à casa onde estavam as seis pessoas de uma mesma família que morreram com a queda, deverá mesmo ser demolido. Todavia, ainda não há previsão de quando isso deverá ocorrer.