Uma consulta feita pela Rede de Participação do Empresariado revela que a opinião pública não acredita em punição para os culpados nos gastos com cartões corporativos no governo federal. A batalha entre governo e oposição ganhou força com a abertura de uma segunda CPI, exclusiva no Senado.

A primeira, mista, encaminhada na Câmara dos Deputados, é dominada pela governista. O dossiê preparado na Casa Civil para deflagrar os gastos no governo Fernando Henrique Cardoso apimentou ainda mais as discussões. Internautas, quase que unânime, acreditam que as comissões não apresentarão um resultado positivo na apuração dos fatos.

?A questão (cartão corporativo) porque os nossos eleitos (Senadores/Deputados) não colocam tudo em prato limpo? Será que eles também têm o rabo preso? O povo brasileiro já está cansado em saber que todos os CPIs viram (PIZZA)!! Eu, e outros milhões de pessoas queremos saber "quem são os possuidores deste cartão" será que é possível??? Caso seja possível, iremos defrontar com um rombo enorme nos cofres públicos juntados com a enorme CARGA TRIBUTARIA QUE NOS APLICAM……?, questiona Massao Wakimoto, de São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

Na opinião dos participantes, as CPIs se tornaram estratégia política para desviar a atenção da sociedade dos principais problemas que preocupam o país. ?Essas malfadas CPIs nunca levam a nada positivo. É uma maneira de desviar de assuntos mais relevantes como: reforma tributária, reforma política, ações sociais, de saúde (epidemias), educação,segurança pública, etc… O que esses políticos, na sua maioria, desqualificados, irresponsáveis, corruptos e corruptores…querem é ver o circo pegar fogo, pois, assim faz uma cortina de fumaça para encobrir suas falcatruas. Não dá para acreditar nessas CPIs, não são sérias, nunca foram e nunca serão, pelo menos nesse desgoverno já marcado, desde seu início, por escândalos, assassinatos (Pref.Celso Daniel…) etc…ACORDA BRASIL, vamos eliminando nas eleições, gradativamente, essa corja; é a nossa maior arma. Saiba votar, vote com consciência e responsabilidade . ACORDA BRASIL?, reclama o participante de Curitiba, José Genolino.

?Acho perda de tempo. O PSDB e o DEM são o PT de ontem. Apurar corrupção, com ou sem CPI, é obrigação de todos. O que o povo espera é estudos e propostas para reduzir os juros Selic, interromper a valorização do Real, estabelecer nova regulamentação legal para a exploração do petróleo, reduzir o desmatamento e defender a Amazônia, construir obras de infra-estrutura, manter o preço dos combustíveis internos, enfim discutir e examinar os grandes problemas do Brasil?, analisa Léo de Almeida Neves, de São Paulo.

A Rede Empresarial é uma iniciativa da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) e serve como um fórum virtual de debates e ações propostas para que possam contribuir para uma nova política democrática no país. O fórum de debates pode ser conferido na íntegra na página eletrônica da Rede Empresarial.