O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) e o Instituto Vitae Civilis lançaram nesta semana, como parte das comemorações da Semana do Consumidor, a campanha nacional Mude o Consumo para não Mudar o Clima.

O objetivo é informar o cidadão sobre o quanto seu consumo pode afetar o clima do planeta e sugerir alternativas para que ele mude seus hábitos. Além disso, a campanha pretende estimular o cidadão a cobrar de empresas e autoridades ações efetivas para a diminuição de práticas que provoquem mudanças climáticas.

Pesquisadores do Idec e do Vitae Civilis estão nas ruas de São Paulo, até o fim de março, com um computador portátil para que o consumidor poderá calcule qual é a sua contribuição de emissão de gás carbônico (CO2) e, assim, conhecer alternativas para diminuir essa emissão. O consumidor também receberá um material impresso sobre as práticas que pode adotar para diminuir os impactos do consumo.

Na avaliação do professor, Alan Abreu, a iniciativa do Idec é excelente porque além de ajudar a conscientizar a população, dá uma idéia de como se comportar para melhorar a própria vida. ?Ensina como economizar colaborando com o planeta. Eu respondi às perguntas e esperava que poluísse mais, mas vi que ainda dá para melhorar. Tive a impressão que sempre dá para melhorar alguma coisa mesmo com atitudes simples?, relatou o professor depois de fazer o teste no computador da campanha.

Para a funcionária pública, Valderez Perez, a campanha conscientiza as pessoas a poluírem menos. ?Eu não me surpreendi muito com o resultado do meu cálculo porque já procuro ter uma atitude consciente, então estou um pouco abaixo da média dos países civilizados. Fiquei satisfeita, mas vou trocar as lâmpadas da minha casa e incentivar minha filha a usar menos o carro, por exemplo?.

O representante comercial, Carlos Nascimento, disse que gostou do resultado de seu cálculo, que está dentro dos limites de emissão, mas pretende melhorar. ?Só não foi melhor porque não estou reciclando o lixo. Vou começar a fazer isso porque é muito interessante?.