Um confronto entre policiais e traficantes em ação realizada pela PM nesta sexta-feira (16), na Vila Cruzeiro, favela localizada na Penha, zona norte do Rio, deixou moradores feridos. A operação da PM ainda está em andamento.

Cinco moradores já ficaram feridos no confronto entre policiais militares do 16º Batalhão e traficantes da Vila Cruzeiro. Dos feridos, quatro são atendidos agora no início da tarde no Hospital Getúlio Vargas.

O caso mais grave é de um garoto de 14 anos, atingido na perna e que teve fratura exposta. Alessandro da Silva, 21 anos, e Tiago Azevedo Dias, 23 anos, foram atingidos no ombro. Alexandre Pena Ferreira, 30 anos, levou um tiro nas nádegas. A mãe de Tiago, Tânia Regina da Silva, 44 anos, teria sido atingida por estilhaços, mas até agora não apareceu no hospital. Segundo parentes, ela está com medo de deixar sua residência, que fica no morro.

Policiais estão pressionando traficantes com blitz constantes no local. Segundo os moradores, dois carros blindados, apelidados de Caveirão, teriam subido hoje na favela, a partir das 7 horas. Ambos teriam sido recebidos com tiros pelos traficantes.