Será pago nesta terça-feira (30) mais uma parte do auxílio emergencial de R$ 600. São 8,8 milhões de trabalhadores que têm direito ao benefício, que veio para ajudar famílias que perderam renda por causa da pandemia de coronavírus. O valor engloba trabalhadores do Bolsa Família e também aqueles que não tem cadastro no programa.

+Leia mais! Abono salarial é liberado a trabalhadores nascidos entre julho e dezembro

Entre os que têm direito estão 1,9 milhão de beneficiários do Bolsa Família com NIS final 0, que recebem nesta terça-feira a terceira parcela; 5,2 milhões de trabalhadores do primeiro lote, nascidos em março e abril, que recebem também a terceira parcela.

Recebem ainda 1,5 milhão de trabalhadores do segundo lote, nascidos em março e abril, que recebem a segunda parcela. A Caixa Econômica explicou que mais 200 mil novos cadastros foram aprovados, de beneficiários nascidos entre março e abril, que recebem a primeira parcela.

Calendário da terceira parcela do Auxílio Emergencial

Mês de nascimentoDepósito do benefícioLotesNúmero de beneficiados
janeiro
e fevereiro
27 de junho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,5 milhões
março
e abril
30 de junho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,9 milhões
maio
e junho
1º de julho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,9 milhões
julho
e agosto
2 de julho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,8 milhões
setembro
e outubro
3 de julho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,8 milhões
novembro
e dezembro
4 de julho3ª parcela
↳lote 1

2ª parcela
↳lote 2

1ª parcela
↳lote 4
6,5 milhões

Calendário do saque do auxílio emergencial

Mês de nascimentoDia da liberação do saque
janeiro18 de julho
fevereiro25 de julho
março1º de agosto
abril8 de agosto
maio15 de agosto
junho29 de agosto
julho1º de setembro
agosto8 de setembro
setembro10 de setembro
outubro12 de setembro
novembro15 de setembro
dezembro19 de setembro

O Auxílio Emergencial

O auxílio é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, que perderam suas rendas por causa da pandemia de coronavírus. São pagamentos a beneficiários que não fazem parte do Bolsa Família, ou seja, para aqueles que fizeram o cadastro no site ou aplicativo da Caixa ou que já estavam inscrito no Cadastro Único do governo federal.


Precisamos do seu apoio neste momento!

Este conteúdo te ajudou? Curtiu a forma que está apresentado? Bem, se você chegou até aqui acredito que ficou bacana, né?

Neste cenário de pandemia, nós da Tribuna intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise. Bora ajudar?

Ao contribuir com a Tribuna, você ajuda a transformar vidas, como estas

– Pai vende vende 1000 bilhetes de rifa com a ajuda da Tribuna pra salvar o filho
– Leitores da Tribuna fazem doação de “estoque” de fraldas para quíntuplos
– Leitores se unem para ajudar catadora de papel de 72 anos

E tem várias outras aqui!

Se você já está convencido do valor de sua ajuda, clique no botão abaixo