Um acidente entre uma van e um caminhão brasileiro deixou 19 mortos em Mendoza, na Argentina, na noite de sexta-feira (7). Quatorze pessoas ficaram feridas por causa do choque. Testemunhas relataram que o motorista do veículo brasileiro dirigia em alta velocidade pela contramão e estava bêbado.

A van partiu da cidade de Córdoba, na região central argentina, e se chocou com o caminhão ao fazer uma manobra de ultrapassagem. Os dois veículos pegaram fogo após a colisão e os sobreviventes conseguiram sair pelas janelas quebrando os vidros. Segundo a secretaria de saúde de Mendoza, no norte do país, a maioria das vítimas foi carbonizada no incêndio e três delas não resistiram aos ferimentos a caminho do pronto-socorro. Na van estavam 28 passageiros e dois motoristas. O homem que conduzia o caminhão também morreu no local.

O veículo brasileiro era da empresa ACM Transportes, de Realeza, no interior do Paraná, e carregava alhos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.